segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Estréia: Atividade Paranormal 4

 (Gabriel Fortunato, Nat Mayra and Lari Lima) 

Encontro dos nossos críticos na estréia do Atividade Paranormal 4 !! hahahahaha, por mais que estamos com feições assustadas, o filme nem é tudo isso... Porém confiram o filme, e também nossas críticas em relação a ele !! :) 

Crítica : Atividade Paranormal em Tóquio

Continuação... ou Remake disfarçado ?? 

A estudante Haruka (Noriko Aoyama) volta a Tóquio, após um programa de intercâmbio nos Estados Unidos. Ela está com as duas pernas quebradas, devido a um acidente de carro. Já em seu país, é recebida pelo irmão Koichi (Aoi Nakamura), que insiste em ficar registrando o dia a dia dela na cadeira de rodas. Para a surpresa deles, fatos estranhos começam a acontecer no apartamento e ele decide então mudar o foco de suas lentes para tentar registrar o que estaria causando os fenômenos. Só que eles estão prestes a descobrir que Hauka trouxe de San Diego algo mais que seus pertences em sua "bagagem". 

Além de não gostar de filmes nacionais, outro gênero de filmes que não gosto é terror... Sim, mas meus amigos, são fãs, e me obrigam a assistir, então o primeiro filme que me levaram para ver, foram os longas "Atividade Paranormal". Obviamente, fui morrendo de medo e tentando recusar, mas chegando lá me deparei com temas que chegaram a me interessar. Já havia assistido o primeiro filme que foi lançado da "série", e o 3°, apenas tinha passado batido pelo segundo... Mas, mesmo assim "Atividade Paranormal em Tóquio" foi muito útil para a compreensão da série de filmes. 

Sinceramente achei a história (em geral) muito inteligente e bem elaborada, pois muitos afirmaram, que esse filme não tinha nada a ver com os outros, mas para mim, encarei como uma continuação, pois para quem viu os anteriores, consegue ligar facilmente os fatos. Agora, falando do filme em si, somente agrada, nada mais. É um filme que tem vários erros, entre eles, o desempenho do elenco, que incomoda demais, além também do desenrolar dos fatos, que em algumas partes chega a incomodar. Tirando isso, como pós, o filme consegue ser uma ótima explicação de todos os outros filmes, e, para quem tem fácil compreensão, consegue matar todos os filmes, apenas com a explicação simplória desse. 

Classificar esse filme, como terror, é exato, porém nada que seja impossível de ver. É um filme bacana sim, que dá sustos no seu desenrolar, e sustos bons, bem elaborados e de qualidade. Mas, o final, esse sim é surpreendente, e vale a pena ser conferido, pois é imperdível... Se achar o filme ruim em seu desenrolar, aguarde até o final para mudar de ideia, porque, chegando no final "Haja Coração, meu amigo", aí o filme vira um teste pra cardíaco (risos)....

Enfim, eu indico sim o filme, porque me agradou... Pra quem procura um bom filme de terror, que dê medo, fuja espontaneamente desse, pois esse apenas proporciona sustos fracos, nada surpreendente. Mas para quem procura um filme com um roteiro coerente, com alguns susto, essa é opção ideal. Não é nada espetacular, mas razoavelmente bom e consegue agradar. 

                                                                           Nota 7.5                                                                       

Informações Sobre o Filme : 
Título : Paranormal Activity : Tokio Night (2011) 
Elenco : Aoi Nakamura, Noriko Aoyama 
Gênero : Terror 
Duração : 90 min 
Direção : 

Filmes para...

Tenho hoje pra vocês vários filmes para assistir em certas ocasiões : 


 Filmes para: Assistir quando estiver na foça : 


Um Amor para Recordar: 


A Última Música: 



Meu novo Amor: 



500 Dias com Ela: 



Amando Annabelle 



Antes que Termine o Dia (Lindo)



Titanic (Clássico) 




 Filmes para: Assistir quando estiver passando por algo dificil (nao fica aí chorando, tem pessoas passando por algo pior, sempre tem!) 


50/50 



Preciosa (se nunca chorou vendo algum filme, chegou sua hora!) 



Sobrevivendo com Lobos: 



Escritores da Liberdade 



Um Sonho Possível (vale mais que a pena assistir) 



A procura da Felicidade 




 Filmes para: Assistir com os amigos 


Uma Chamada Perdida:


Imagens do além (a versão original é coreana, se chama ''Espíritos'' recomendo também)



1408 (para os que tem QI alto, rindo)



Ela é o cara 



Ela e os caras 



Eu, Eu mesmo e Irene 



Diário de um Banana 



Espelhos do Medo (meu favorito) 



Rec 



Escola de Rock 



Click 



Por hoje é isso ai gente 

Xoxo 
Por: Nat Mayra 


Atividade Paranormal 4

 O decepcionante 
 Nota: 05 

Cinco anos após Katie (Kathie Featherston) matar a irmã Kristi (Sprague Grayden) e o cunhado Daniel (Brian Boland) e levar consigo o sobrinho Hunter, ela vive com o pequeno Robbie (Brady Allen) em uma casa. Do outro lado da rua mora a adolescente Alice (Kathryn Newton), que acompanha os passos do garoto juntamente com o amigo Alex (Matt Shively). Ambos acham Robbie bastante estranho, principalmente quando ele fica alguns dias na casa de Alice após Katie ter um problema e ir parar no hospital. Aos poucos Robbie se torna amigo de Wyatt, o irmão caçula de Alice, atraindo-o para um universo perigoso. 


Meu colega de Blog deu sua crítica sobre este filme (assistimos juntos na estréia junto com a também colega de Blog, Larissa) ele nao gostou nada do filme mesmo, e em pontos concordo com ele, este filme para mim foi o pior da série, os sustos são muito fracos, e como todo o filme, nos deixou com um pé atrás da orelha. O que houve com Hunter? A Alex fará parte da liga de bruxas? Alex foi possuída no final do filme? E a pergunta que nao quer calar é O PRÓXIMO FILME SERÁ MEXICANO? pelo que tudo indica sim, você que ainda nao assistiu o filme, fique na sala até todos os créditos acabarem, acalme-se, é só no final mesmo, tem uma cena extra. O que mais me deixou com raiva, foi que mil partes que estavam no trailer, nao apareceram no filme, exemplo: quando Alex está conversando com seu amigo na Web e as luzes começam a apagar, o sinal começa a falhar, tem um menino do lado de fora e tal. Essa parte nao tem no filme! 
Eu sou uma fã da série de filmes, adoro todos, desde o primeiro, mas esse me decepcionou, eu esperava sentir muito mais medo, entender mais a história, mas continuou na mesma, sei que é um bando de bruxas querendo pagar a dívida com um demônio, muahaha. 
Um filme extra que teve, que todos sabem, foi Atividade Paranormal em Tóquio, obviamente foi no Japão (amo filme de terror japonês, coreano, sei lá, amo!), e as ''histórias'' de terror japonês são de levantar os cabelos mesmo, mas como eu disse pelo que tudo indica, próximo será mexicano, agora por que mexicano, o que eles tem a ver com isso? Todo mundo sabe que o pessoal da América Latina, são muito devotos, agente vê nessas novelas mexicanas, tem Santa para todo o tipo de coisa, então, a história nao gira em torno de um demônio? Quem melhor pra falar sobre isso do que católicos devotos? Só sei que espero que esse próximo filme nao me decepcione também, e que venha o medo! 
Enfim, tentei reconsiderar o filme mil vezes, só vejo críticas ruins na web, uma pior que a outra, uma dica que dou é assistir e tirar sua próprias conclusões... 

Xoxo ;* 
Por Nat Mayra 

sábado, 20 de outubro de 2012

Crítica : O Ursinho Ted

A História do Ursinho politicamente Incorreto ! 

É Natal e o pequeno John tem apenas um pedido a fazer ao Papai Noel: que seu ursinho de pelúcia, Ted, ganhe vida. O garoto fica surpreso ao perceber que seu pedido foi atendido e logo eles se tornam grandes amigos. John e Ted crescem juntos e o urso de pelúcia se torna bastante mal humorado com a idade. Já adulto, John (Mark Wahlberg) precisa decidir entre manter a amizade de infância ou o namoro com Lori Collins (Mila Kunis). 

Geralmente é muito difícil encontrar animações, que fujam um pouco do contexto central, animar, deixando uma lição de vida ao público infantil... Ted, vai além disso, e esnoba esse ditado tolo, da maioria das animações atuais, e indo a contraponto a essa "regra" das animações, Ted, de certo modo, até agrada os menos conservadores. O fato de unir a "animação" com a realidade, agrada, por fazer isso de forma positiva, diferente de filmes como Zé Colmeia, que erram nessa mistura de realismo, com surrealismo. 

Não vou dizer que esperava um filme ruim, pelo contrário, esperava um filme estupendo, alias, a maioria dos críticos, deram a nota máxima para esse filme. Assisti o filme, e realmente ainda não entendo, o porque o filme foi tão bem cotado. É um filme divertido, simpático e inteligente, porém nada muito além disso. A história em si, é bem legal, pois conta a trajetória de uma amizade, e também as dificuldades de escolher entre um amigo e um amor. Partindo desse foco, o filme se torna meio confuso, porque ao meu ver não tem propósito, a não ser desenvolver a história do ursinho com o protagonista. Além do que, o urso se torna uma figura revoltada no filme. Os diretores, utilizam a atualidade e a modernidade, para dar uma certa modernização no urso, desde o vocabulário até sua postura. O que me incomodou em certas cenas, é a atuação de Mila Kunis, que está deplorável no filme, principalmente nas poucas cenas, que atua com o Ursinho. 

O filme é bacana, porém chega em muitas cenas, a perder a graça, pelo fato metódico de voltar as mesmices, de misturar o romance, com a vida aberta, errada, que os protagonistas seguem (muitas vezes). O que me agradou demais, foi a rebeldia do urso no desenlace do filme, e me fez rir demais, principalmente pelos palavrões e as atitudes impróprias explicitadas no filme. Talvez  o maior erro do filme, foi fugir do foco central, que era desenvolver a amizade, baseada em erros dos dois, e colocar nisso, um certo sentimentalismo, fazendo, o filme muitas vezes, ficar tocante (desnecessariamente), pois muitas vezes, acaba fugindo muito do foco. O que importa, é que o filme cumpriu a meta central : fez rir sem compromisso, usando na maior parte, algo diferente e inovador. 

Por ser o primeiro filme de Seth MacFarlane, até que ele encanta bastante... Mas para o próximo, ele tem que focar mais em um assunto e persistir nele, sem ficar variando muitas vezes sem necessidade. Mas, eu indico o filme, principalmente para aquele que querem rir sem compromisso, e obviamente longe das crianças, porque é um filme, realmente muito forte. Assista, e se possível no cinema, pois até que vale a pena. 

Por : Gabriel Fortunato 

 Nota 7 

Crítica : Atividade Paranormal 4

Em apenas 2h, quarto filme da franquia, consegue destruir
o legado deixado pelos anteriores. 

Cinco anos após Katie (Kathie Featherston) matar a irmã Kristi (Sprague Grayden) e o cunhado Daniel (Brian Boland) e levar consigo o sobrinho Hunter, ela vive com o pequeno Robbie (Brady Allen) em uma casa. Do outro lado da rua mora a adolescente Alice (Kathryn Newton), que acompanha os passos do garoto juntamente com o amigo Alex (Matt Shively). Ambos acham Robbie bastante estranho, principalmente quando ele fica alguns dias na casa de Alice após Katie ter um problema e ir parar no hospital. Aos poucos Robbie se torna amigo de Wyatt, o irmão caçula de Alice, atraindo-o para um universo perigoso. 

Nada pior que você contar os dias, ou adiar compromissos, para ver um filme, achando que ele vai te surpreender, porém, quando chega lá, nós é que somos surpreendidos. Como grande parte da nossa equipe aqui do Blog, queria assistir "Atividade Paranormal 4", decidimos fazer um encontro de críticos, onde grande parte da equipe se reuniu, para assistir o filme. Como estávamos eufóricos pela chegada do filme, decidimos ir na estréia, que ocorreu nessa última Sexta Feira, porém chegando lá... 

Primeiramente foi uma luta assistir o filme... Corremos demais, devido ao péssimo horário da sessão, e a complicação da classe indicativa do filme. Mas, depois de uma luta, conseguimos. Esperava assistir algo inovador, que fugisse um pouco da mesmice dos filmes anteriores, porém fui surpreendido com um filme sem graça, ridículo e extremamente estúpido. Por mais que sabemos que não tem como fugir da costumeira história, das câmeras espalhadas pelas casas nos filmes de Atividade Paranormal, acho que o grau de suspense deveria aumentar a cada filme. Mas, essa quarta sequência decepciona demais. 

Na minha análise, filmes de terror, têm de fazer jus ao nome e dar medo, assim como comédias devem fazer rir, e dramas nos fazer refletir/chorar, assim sucessivamente. Atividade Paranormal 4, não passa de um filme, com objetivo de lucrar, porque é realmente terrível. O filme tenta assustar, com alguns vultos em seu desenvolvimento, e algumas passagens rápidas de cenas, porém, para aqueles que já assistiram os anteriores, esse filme passa despercebido, por ser muito fraco se comparado aos outros. O filme começa lento, e é conduzido assim até parte do final, onde começa a ser conduzido de forma mais rápida, e chega até a alegrar em seu término. Porém quando estamos começando a gostar do filme, onde os sustos aparecem mais frequentemente, de repente acaba, sem explicação alguma... O que decepciona demais.

Porém, por mais que o filme seja péssimo, algumas (poucas) coisas, chegam a agradar. Como a atuação de Katie Feartherston, que progride a cada sequência desse filme, e também o desenlace da história (que continua a história de Katie e Hunter, de Atividade Paranormal 2). De resto, o filme é deplorável, e em muitas cenas nos faz mais rir, do que se assustar. Como muitos estão dizendo por aí : Esse filme não dá muito medo, e sim poucos sustos, que nos conduzem até o final, que assusta um pouco mais... hahahaha

Sou fã da franquia, porém não indico de forma alguma esse filme, porque é terrivelmente fraco, para aqueles que procuram um terror de qualidade (como o do anterior, Atividade Paranormal 3). Eu particularmente, quase abandonei a sessão, alias, o filme, estava me incomodando demais. Então, assista na internet, ou quando sair em DVD, porque, realmente não vale o preço do ingresso. 

Por : Gabriel Fortunato 

 Nota 3 


Crítica : Sombras da Noite

Novamente união de Tim Burton com Jhonny Depp,
causa impactos positivos !! 

1752. Joshua (Ivan Kaye) e Naomi Collins (Susanna Cappellaro) deixam a cidade inglesa de Liverpool juntamente com o filho, Barnabás, rumo aos Estados Unidos. A intenção deles era escapar de uma terrível maldição que atingiu a família. Vinte anos depois, Barnabás (Johnny Depp) é um playboy inveterado que tem a cidade de Collinsport aos seus pés. Após seduzir e partir o coração de Angelique Bouchard (Eva Green), sem saber que era uma bruxa, ele é transformado em vampiro e preso numa tumba por dois séculos. Quando enfim desperta, dois séculos depois, encontra sua propriedade em ruínas e os poucos familiares ainda vivos escondem segredos uns dos outros. Em meio a um mundo desconhecido, Barnabás se interessa por Victoria Winters (Bella Heathcote), a tutora do jovem David (Gulliver McGrath). 

Depois de apostar na mesma receita, em quase todos seus filmes, escalando Jhonny Depp, Tim Burton agora aposta novamente nessa união. Em Sombras da Noite, Burton, escala novamente Depp, para atuar como protagonista. Por mais que seja uma atitude extremamente repetitiva, mais uma vez, essa atitude de Burton causa impactos positivos. Obviamente depois dos clássicos : Edward Mãos de Tesoura, A Fantástica Fábrica de Chocolate e Alice no País das Maravilhas, onde ambos estavam juntos, difícil esperar um filme ruim, com participação de Burton dirigindo e Depp atuando. 

Até tinha interesse em conferir Sombras da Noite, mas o que me convenceu mesmo, foi as críticas positivas, nas quais conferi. Fui receoso, porém quando cheguei e assisti, encontrei um filme brilhante, que une tudo, que precisamos num bom filme : Bom enlace, boa mistura de gêneros e excelentes atuações.  Obviamente, já é de se esperar, que Jhonny Depp rouba a cena no filme, e atua brilhantemente, como "Barnabas", o protagonista da trama. Porém, diferente de outros filmes, que Depp, carrega a história praticamente sozinho, nesse, o elenco de apoio também atua de forma brilhante. Destaque para Helena Bohan Carter (de Harry Potter) e Michelle Pfeiffer (de Nunca é tarde para amar). 

O que me encantou muito no filme, certamente foi a questão da maquiagem, que mistura o clássico, com o atual de forma impressionante. Outro ponto realmente brilhante no filme, é sensibilidade do personagem de Depp. O fato dele não querer ser diferente, e querer ser uma pessoa normal para amar, é tocante. Além do fato, dele não matar as pessoas por querer, e sim por necessidade. É um filme que não basta assistir, e sim compreender...  Burton vai até os primórdios da história, para tentar emocionar e até convencer, e por mais que seja um filme "variável", também nos emociona. Mas, não fica só nisso, pois em muitas cenas, o filme nos faz gargalhar. 

Enfim... É um ótimo filme, daqueles para se ver no cinema... Convincente, e extremamente bem feito, o filme chega a impressionar, principalmente pela boa condução de Tim Burton, e a estupenda atuação de Jhonny Depp... Eu mais que indico o filme, porque para aqueles que curtem algo diferente, fugindo daquela mesmice que conferimos na maioria dos filmes atuais, esse encanta pelo simples fato de ser diferente. 

Por : Gabriel Fortunato 

 Nota 9 


Crítica Especial : Piratas do Caribe


Particularmente esse é um dos filmes que mais amo. Tenho uma certa paixão por piratas, e pelo Johnny Depp então nem se fala ! Mas vou tentar expor minha crítica equilibrando o lado pessoal e profissional (vamos dizer que eu sou, né ?!). Piratas do Caribe foi um marco para o cinema na década de 2000. Assim como em muitos outros filmes, o ator Johnny Depp desenvolveu muito bem seu papel, contribuindo para que concorresse mais uma vez ao Oscar. 

Devido seu sucesso, o filme gerou uma grande polêmica e deu início às outras divinas produções, como : Piratas do Caribe e a Maldição Do Pérola Negra; Piratas Do Caribe e o Baú Da Morte; Piratas do Caribe No Fim Do Mundo e Piratas Do Caribe: Navegando Em Águas Misteriosas. Além da fabulosa e criativa história, a produção reuniu grandes estrelas da atuação e não se concentra somente na ação e na aventura, tendo uma pitada de comédia, geralmente responsável pelas geniais e sarcásticas falas do Capitão Jack Sparrow, o pirata mais famoso existente ! 

Mas o filme não se resume somente ao Johnny Depp, também são recheados por atores fabulosos como o Orlando Bloom (Will), Geoffrey Rush ( Barbossa) e a magnífica Keira Knightley (Elizabeth Swann).
Também conta histórias paralelamente, amor, traição, amizade, humor e repleto de reviravoltas ao decorrer da história. Mas não podemos esquecer dos quesitos técnicos, como o enredo, cenário, maquiagem e efeitos especiais impecáveis, principalmente em cenas de batalhas. 



Então parabenizo à todos que contribuíram para essa excelente produção, e espero que venha muitas outras histórias implacáveis !! *-* 

Bye, Lari Lima 


Obs : Sinto estar conectado pelo login do meu colega de trabalho, Gabriel Fortunato, porém achei mais fácil assim, pois ainda não me adaptei ao meu login pessoal... Espero que compreendam e gostem da minha crítica !!  O Vídeo a seguir se concentra, através do ponto de vista, pelos Bastidores. Confiram : 




quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Apresentações... Nossa Equipe !! :)



Oi, me chamo Nat, e sou a nova contratada aqui do Cine Manchete, aceitei (na verdade quase implorei pelo cargo) porque uma das grandes paixões da minha vida é cinema, daí minha vontade de Dirigir um filme. Um dos meus gêneros favoritos é terror, adoro levar aqueles sustinhos básicos, sentir medo (um pouco, pois nao são todos que me dão essa sensação). Assisto esse tipo de filme, desde muito pequena, lembro que o primeiro foi Chuck: O Boneco Assassino, pois é, esse mesmo, hoje nao entendo o porque do meu medo quando assistia esse filme, mas graças à ele, me apaixonei pelo gênero, quem sabe futuramente vocês verão um filme com roteiro e direção  de terror feitos por mim aqui no Brasil, prometo ser de carecas arrepiar os cabelos!!! Mas claro que nao postarei só sobre filmes de terror, adoro todo tipo de gênero, comédia, romance, ação, todos, amo filmes. 

Então é isso ai.

Enfim, quem quiser me conhecer melhor só adicionar : 
Facebook pessoal : https://www.facebook.com/nat.mayra 
Twitter Pessoal : http://twitter.com/natmayra 
Xoxo 



Olá, sou Rodrigo Borges, e já estou a mais tempo por aqui no Cine Manchete, mas nunca me aprezentei formalmente... Aproveitando o rateio aqui estou eu. Particularmente sou fã de filmes de ação e comédia, principalmente das comédias, onde consigo me divertir um pouco mais. Tenho uma visão um pouco rebuscada sobre cinema. Acho que todos os filmes, independente de gênero, ou de qualidade (pois muitos filmes ruins também nos ensinam), nos transmitem de alguma forma, alguma lição moral (no final, ao longo o ao início do filme). Muitas vezes eles não conseguem, porém faz parte do objetivo central, transpor algum tipo de mensagem ao telespectador (alias, nenhum filme, é feito á toa). Sou um admirador póstumo de cinema, pois, muitos filmes (não todos, obviamente), acabam nos fazendo refletir de alguma forma, fazendo com que criemos novas percepções de variados assuntos. E eu realmente acho isso muito benéfico... Entre meus filmes favoritos, destaca-se o emocionante "Marley e eu", que nos faz refletir e nos emociona, em uma linda e comovente história !! :) 

Twitter Pessoal : https://twitter.com/Ro_Borges 


Olá, sou Stefanie Lemos. Sou uma das integrantes do Cine Manchete, e como esperado vou falar sobre filmes, diretores, atores, e tudo relacionado ao cinema. Darei minhas opiniões, e também estarei abrindo espaço para que todos dividam conosco, suas opiniões, em relação a tudo. Espero agradar todos vocês, com meu trabalho. Mas, agora vou falar um pouco sobre mim : Sou uma garota meiga, sincera e extremamente maluca por cinema. Sou uma fã póstuma do Jhonny Depp, assim como minha amiga (outra integrante do nosso blog, Larissa Lima), juntas, prometemos trazer muitas informações sobre nosso ídolo, e a carreira extensa dele, e também sobre  os muitos filmes, que contam com sua participação. Porém, não se preocupem, pois não ficaremos apenas centralizados a ele, e sim em tudo, que aborda nosso tema central : o cinema, em geral. Enfim, as outras coisas, todos saberão ao longo do meu trabalho. É um imenso prazer estar com todos, e meramente agradeço !! :) 



Olá gente, sou a Larissa Lima... Aqui no blog mais mencionada como Lari Lima... hahahaha. Agora como os anteriores, faço parte da Equipe Cine Manchete. Tenho como objetivo principal, apresentar críticas, observações e novidades, através da minha experiência e vivência, todas, onde o que irá prevalecer será minha opinião, ou seja, farei um trabalho, onde minha opinião será a base das pesquisas, fazendo com que entramos  em uma divergências de ideias, e opiniões, fazendo com que a interatividade do nosso blog, com o público, seja extremamente intensa. Estou particularmente ansiosa para apresentar meu conteúdo, e também compartilhar meu gosto, e absorver o de vocês. Assim como todos, tenho um gênero, diretor e ator favorito, mas claro que iremos variar, para ter um trabalho em grupo mais significativo e contundente. Então, espero agradar a todos, e espero que todos me agradem, de certa forma, para que venhamos a manter um bom relacionamento de moderador com público. Em relação a crítica, como todos conversamos sobre isso; iremos aceitá-las, obviamente, para aprimorar nossos trabalhos, porém, gostaríamos muito, que essas críticas, sejam bem elaboradas e tenham fundamento, para que não cause um distúrbio central, entre todos. Enfim, isso é tudo ! 

Twitter Pessoal : https://twitter.com/Lari_Lima_sz 


Enfim, minha vez.... hahahahaha, deixei para me reapresentar depois dos meus novos colegas, alias, minha história com o blog é muito mais antiga. Diferente dos anteriores, fundei o blog no dia 31/12/2010, data na qual, eu também comemoro meu aniversário. Não era novo no ramo de blogs, pois já tinha atuado em 2 outros grandes blogs anteriormente, um dos quais permanece até hoje (com minha autoria e de um outro colega meu). Não frequento-o muito, mas a legião de fãs continua bem extensa, alias, o blog é bem conhecido e carrega um tema muito interessante. Agora voltando a abordar o Cine Manchete, fundei a equipe com o intuito de reunir opiniões diversas, e compará-las para chegarmos a uma conclusão. Para minha alegria, muitos amigos já passaram por esse blog, e a partir daí seguiram carreiras individuais, mas com o trabalho competente que sempre tivemos, aderimos a uma nova equipe, na qual prometemos, trazer muitas novidades e alegrias agora. Por mais que todos leitores me conhecessem através das minhas publicações, pelo login oficial do blog, ninguém, nunca tinha me visto através de fotos e opiniões, certamente. Minha intenção, sempre foi progredir com o meu blog, alias, a cada passagem, a cada crítica e a cada moderador que por aqui passa, carrega consigo algo a me ensinar, assim como, tenho certeza que consigo ensiná-los. Mas, como já disse, pretendo me apresentar mais formalmente. Sou Gabriel Fortunato, e sou um admirador assíduo do cinema em geral, tenho uma visão muito perspicaz do cinema, e o trato como uma fonte inspiradora na vida de todos. Sou um telespectador bem eclético, e vario muito meus gêneros cinematográficos, tenho como preferência filmes engraçados ou assustadores (pra ser mais exato, comédias e terror). O cinema chega a me inspirar, assim como grande diretores, que conseguem nos passar uma certa inspiração, no meu caso, Woody Allen e Tim Burton, que são grandes mestres da história do cinema. Já no ramo de atuação, tenho muitos favoritos, principalmente a excelente e talentosa Whoppi Goldberg. Em relação as minhas críticas, tenho uma certa forma de avaliação, que divide-se em : roteirização (história, enlace, enredo, inicio, desenvolvimento, final e coerência da história), atuação (desenvolvimento dos atores ao longo do filme, postura e preparação), e detalhes (percepção, compreensão, comparação, entre outros). Realmente não tenho papas na língua, e uso a crítica, para expressar minha opinião não só sobre o filme, mas sobre o "coletivo", envolto ao filme. Mas, como todos sabem, minha especialização não aborda só o campo de críticas, e sim tudo relacionado ao cinema. Então, espero que gostem do meu trabalho e do de todos meus colegas de trabalho, e esperamos juntos, trazer várias novidades, e entretenimento de sobra a todos vocês. Obrigado pela preferência !! 

Twitter Pessoal : https://twitter.com/Gabi_3112 

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Nova Equipe Cine Manchete !! (:

Depois de muito tempo necessitando de funcionários competentes ao blog, finalmente nos adequamos a uma equipe mais alternativa... Com 2 anos de existência, nosso Cine Manchete, já vos trouxe vários profissionais, entre eles, o mais recente, Victor Peron, o qual se retirou do nosso blog, por desentendimentos internos. 

Dessa forma, sem muitos profissionais, o blog sofreu alguns hiatos... Ou seja, parava com seu trabalho, e voltava sem previsões, e isso foi fazendo com que o blog perdesse uma certa quantidade de leitores. Chegou um momento em que o blog sofreu um hiato mais extenso, onde tivemos a ideia, e enxergamos a necessidade de aderir novos integrantes, para retomar nosso trabalho. Pois bem, então depois de algum tempo de negociações enfim entramos todos em um acordo, e iniciamos um novo trabalho. Agora, nosso blog, aderiu a variações de gêneros, ou seja, além de estender nossa equipe, também estaremos estendendo nossos trabalhos, e com mudanças significativas. A mudança mais recente, foi varias nossa equipe de críticos, não tendo apenas, homens atuando por aqui, e sim novas mulheres, para nos ajudarem a conduzir esse blog. 

Sendo assim, nossa equipe consta agora com uma certa variação de sexo, fazendo com que, o blog perca aquele senso machista que sempre carregou e não navegue também, em um mar de feminilidade, sendo assim, equilibramos nossa equipe, para equilibrar o gênero do nosso blog. 

E dessa forma, quero agradecer a todos que contribuíram com essas contratações, e também a todos nossos leitores, admiradores e seguidores. E com grande prazer anuncio oficialmente nossa nova equipe : 


(Lari Lima, Ro Borges, Nat Mayra, Stefanie Lemos e Gabriel Fortunato) 

Obs : Alguns de nossos críticos ainda não se apresentaram formalmente por via de postagem, porém entre esses dias, eles ainda estarão se apresentando e também iniciando seus trabalhos !! 

Atenciosamente, Gabriel Fortunato (Diretor da Equipe) 

terça-feira, 16 de outubro de 2012

A Entidade (Sinister)

                                                                      Nota: 05 
Sinopse: Na trama, um escritor de livros policiais (Hawke) luta para encontrar a história do seu próximo livro e se muda com sua família para uma casa onde uma família inteira foi assassinada. Porém, depois de encontrar uma caixa de filmes que mostra que outras famílias foram mortas na mesma casa, sua investigação o leva a identidade sobrenatural do assassino. Ele precisa então evitar que sua família tenha o mesmo destino trágico. 

Esse filme é um tanto quanto decepcionante, parece uma montanha russa dá voltas e voltas e voce acaba parando no local de partida. O começo é super parado, quer dizer, a cena primogênita é de uma familia sendo enforcada no quintal, eles estão com capuz no rosto e é um pouco até perturbante (um pouco, muito pouco), as crianças morrem primeiro, mas os pais continuam a se contorcerem enquanto sufocam. Depois a cena já se desloca para a familia de Hawke, que se muda para a casa onde os fatos aconteceram, e tal. 


O filme chega a dar uns sustinhos, assisti com uma amiga que também faz parte do Blog (Stefanie Lemos) ela levou mais sustos do que eu, mas a conclusão dela sobre o filme é a mesma que a minha. O tal do ''Bicho Papão'' que é o grande vilão da história, e até digamos que ''feio'', olhos escuros desproporcionais, nao dá pra ver nitidamente se tem boca ou nao, a parte que vi, parece um borrão branco, enfim, não é algo que se diga ''ah que lindo'' mas, nao é tudo aquilo que eu imaginava. 


Na metade do filme, aí sim, a história fica legal, todas as peças começam a se encaixar, o cara vai descobrindo o que acontecerá, ai ele muda de casa achando que pronto, acabou, ele venceu, quando... TODOS MORREM, isso mesmo TODOS, nao sobre um, apenas a caçula da familia, que adivinha, é a assassina, na verdade o Bicho Papão manipula ela, mas é a mesma coisa. Nao digo que o filme foi ruim pelo fato de todos morrerem, e sim, por nao ter um desfecho  conclusivo, voce sai da sala do cinema tipo ''o que? acabou? what?'' fora que a maquiagem das crianças estava podre de tão mal feita.


Eu estava louca para assistir esse filme, achei que seria super foda, quando na verdade, só perdi R$9,00 da entrada, depois a moça do caixa nao quis devolver o dinheiro, tudo bem, fine! 


Um super dica: Nao assistam! A nao ser que já tenha saído de cartaz, assistam se tiverem curiosidade  mas em casa, porque assim, da pra tirar antes de surtar. 





Xoxo ;* 

Por: Nat Mayra 


Mudanças... Novidades !! :)

É com grande prazer, que retomamos nosso serviço... Sim, ficamos um período atrasado, por estarmos cuidando de novas contratações, e aderindo novas pessoas... Com imenso prazer, retorno ao meu trabalho, acompanhado de novos integrantes, que prometem abalar, nosso blog. 

Cansado da mesmice, e também do elevado índice machista que o blog sempre carregou durantes esses anos, 3 novas integrantes, a partir dessa semana, dividem comigo, a autoria e direção do nosso Blog. E talvez dessa forma, o blog consiga perder um pouco desse tão conhecido "ar machista", e receba um toque um tanto quanto feminista de nossas novas colegas. 


Continuarei, os informando... E dessa forma, nossas colegas estarão se apresentando e prestando seus serviços ao longo da semana... Estaremos também desenvolvendo algumas mudanças gerais, as quais, quando decididas, serão passadas a todos... 


Atenciosamente, Gabrriel 

Direção Cine Manchete 


sexta-feira, 27 de julho de 2012

Crítica: E aí, Comeu ?



Muitas pessoas por “preconceito” não assistiram o filme E aí, Comeu?, pelo fato de ser nacional, e que geralmente os filmes nacionais não são lá essas coisas .
Mas na minha opinião, esse filme agradou bastante os Homens do que as Mulheres, pois o filme trate-se de 3 amigos, que costumam ir ao bar e jogar conversa fora, zoar uns aos outros, e falar sobre mulheres.

O filme conta com grandes atores como  Bruno Mazzeo, Marcos Palmeira, Emilio Orciollo Netto, Dira Paes  e grande elenco. O filme é muito engraçado, e pelo fato de ser nacional contem alguns palavrões ao longo de seu desenvolvimento.

A historia é a seguinte: 3 amigos se unem sempre que podem em um bar no Rio de Janeiro para falar de coisas de homem ... Um é arquiteto que foi abandonado pela sua esposa. Outro é um jornalista que desconfia que sua mulher anda lhe traindo. E o Terceiro é um playboy solteiro, metido á escritor que está em busca de um compromisso sério !
Ao longo do filme, eles vão tentando arrumar a suas vidas amorosas, e querem ser felizes com uma família ...
Mas não vou dar spoiler do filme pra quebrar o clima !!

 Abraço, Rodrigo Borges

NOTA: 6

Informações Sobre o Filme

Título: E Aí ... Comeu ?
Gênero: Comédia
Elenco: Bruno Mazzeo, Emilio Orciollo Netto, Marcos Palmeira, Dira Paes, Seu Jorge
Duração: 102 Minutos
Direção: Felipe Joffily


Link Para o Filme Completo:







quarta-feira, 25 de julho de 2012

Crítica : Assalto ao Banco Central

Bom roteiro, é atrapalhado por péssimas atuações. 

Barão (Milhem Cortaz) teve a grande ideia de ganhar muito dinheiro em pouco tempo ao cometer o crime perfeito, sem violência. Para tanto basta arrumar as pessoas certas, dispostas a receber R$ 2 milhões, botar o plano em prática e executar a façanha. Após cerca de três meses de operação, R$ 164,7 milhões foram roubados do Banco Central, em Fortaleza, no Ceará. Sem dar um único tiro, sem disparar um alarme, os bandidos entraram e saíram por um túnel de 84 metros cavado sob o cofre, carregando três toneladas de dinheiro. Foi o segundo maior assalto a banco do mundo. 

Eu nunca neguei dizer que não sou fã de filmes nacionais... Pois é, como todos já sabem, eu realmente não gosto. Mas, por ser um filme diferente, "Assalto ao Banco Central" me chamou bastante atenção, então decidi assistir. Claro que de primeira, ao ver os traillers, e também conferir o elenco, o filme já me amedrontou bastante, pois o elenco é realmente muito fraco. Porém, não posso negar que Assalto ao Banco Central, mesmo sendo um pouco ruim, agrada em partes. 

A começar, vou falar da história... É um filme, como todos devem saber, que é baseado em fatos reais, então a primeira coisa que devemos analisar, é se as interpretações chegaram próximas a história real. Eu gostei, achei muito bacana, mas o ponto que mais me incomodou no filme, foi o fato de misturarem as partes : Por exemplo mostra a história, e no meio dela, as interrogações feitas após o crime e também o desenrolar do crime. Acho que o filme poderia ter maior separação dos assuntos, para melhor compreensão do público. 

Agora, o que incomoda demais no filme, sem dúvidas é o elenco... Destaque para Milhen Cortez, Gero Camilo, e Lima Duarte que desenrolaram brilhantemente seus papéis ao longo do filme. Já, Eribeto Leão e Giulia Gam, são os pontos fracos do filme. Eriberto Leão com aquele jeito costumeiro forçado de sempre, e a Giulia, em uma atuação realmente muito ruim. 

Enfim... Eu indico o filme, para quem procura um filme mediano, e não espera nada... Agora, para aqueles que não gostam de filmes forçados, eu realmente não indico. Mas, vejam o filme, e tirem suas próprias conclusões !!

                                                                            Nota 5                                                                        

Informações Sobre o Filme : 
Título : Assalto ao Banco Central (2011) 
Gênero : Ação 
Elenco : Milhen Cortaz, Lima Duarte, Giulia Gam, Milton Nascimento 
Direção : Marcos Paulo 
Duração : 1h44 

terça-feira, 24 de julho de 2012

Volta... E Novas Contratações !!

Boa Madrugada, minha gente !! HAHAHA :) 


Pois é, aqui quem fala é o Gabrriel, dono da Equipe Cine Manchete, diretor e também Presidente da equipe... Ficamos alguns meses afastados, devido a alguns compromissos um pouco mais interessantes. Agora, estaremos mais presentes no blog, a ponto de voltar a lhes trazer mais informações e críticas, além do nosso excelente trabalho. 


No tempo em que tivemos ausentes, ficamos tratando de novas ideias (que serão impostas, daqui a alguns dias) e também tratando de novas contratações. Entre elas, agora há pouco, acabamos de fechar contrato com o Sr. Rodrigo Borges, que a partir de hoje, estará também participando do nosso blog, com críticas e outros trabalhos adicionais... Aviso, que não iremos colocar no término de nossos posts, nossos nomes, pois cada um de nós administradores, temos nossos próprios "Logins" !! 


Aguardem, as novidades... Em breve, estaremos postando críticas e outras coisas !!
Obrigado, pela Atenção !!


Gabrriel